Seu melhor momento é com a Let’s Café no dia a dia nas comemorações ao presentear ao ser saudável

Você sabe o que é o açúcar?

Leticia Fassio

Leticia Fassio

Nutricionista há 10 anos, deixei o atendimento em consultório para realizar um sonho que sempre habitou em mim e deixei o amor pela cozinha falar mais alto. Inspirada pela minha avó Lêda, resolvi abrir a Let's Café, com o intuito de aplicar os meus conhecimentos nutricionais para criar receitas deliciosas e que também fossem saudáveis.

O açúcar ou sacarose é um tipo de carboidrato, usado como fonte de energia para o corpo humano, isso mesmo, açúcar é energia! Ele é encontrado naturalmente em alimentos como frutas, legumes e leite, mas também é adicionado a muitos alimentos processados e bebidas.

O açúcar é composto por duas moléculas menores: glicose e frutose. Essas moléculas são absorvidas pelo sangue e transportadas para as células do nosso corpo para produzir energia. As células do cérebro e dos músculos usam glicose como sua principal fonte de combustível. Além disso, a glicose também é armazenada no fígado e nos músculos sob a forma de glicogênio, que pode ser rapidamente convertido em glicose e usado para fornecer energia em momentos de necessidade.

Existe um tipo de açúcar melhor pra consumo?

Do ponto de vista nutricional, não existe um “melhor” tipo de açúcar, uma vez que todos os tipos de açúcar contêm calorias e não fornecem nutrientes essenciais ao corpo. O açúcar branco refinado, por exemplo, é um tipo de açúcar comumente utilizado em alimentos processados, mas que é pobre em nutrientes e pode causar problemas de saúde se consumido em excesso.

No entanto, algumas opções de açúcar podem ser consideradas mais saudáveis do que outras. O açúcar mascavo, por exemplo, é menos processado do que o açúcar branco e contém alguns minerais, como cálcio, potássio e magnésio. O açúcar de coco e o xarope de bordo são opções naturais e contêm um pouco mais de nutrientes do que o açúcar branco refinado.

Açúcar x Culinária

O açúcar é um ingrediente muito importante na culinária, especialmente em sobremesas e doces, porque ele contribui para o sabor e a textura desses alimentos, ajudando a criar texturas suaves e macias em bolos e biscoitos, enquanto em sobremesas como pudins e sorvetes, ele ajuda a criar texturas cremosas e suaves. Além disso, o açúcar pode ajudar a equilibrar os sabores em pratos salgados, como molhos para salada ou marinadas, e pode ser usado para caramelizar e dourar carnes e legumes.

O açúcar também pode ser usado como conservante natural, ajudando a preservar a cor, o sabor e a textura dos alimentos, ele é uma substância higroscópica, o que significa que ele tem a capacidade de absorver a umidade do ar. Isso ocorre porque o açúcar tem uma estrutura molecular que é atraída pela água, e em um ambiente muito concentrado, as bactérias não conseguem se reproduzir com velocidade, aumentando assim o tempo de validade da comida. É importante mencionar que, por conta de sua propriedade higroscópica, o açúcar é pensado como um ingrediente líquido na formulação das receitas.

Quando exposto ao ar, o açúcar pode absorver umidade e formar grumos, o que pode afetar sua textura e capacidade de dissolver. Por essa razão, muitas vezes é recomendado armazenar o açúcar em um recipiente fechado e seco, para evitar que ele absorva umidade do ambiente.

 

E qual a quantidade de açúcar adequada por dia?

A quantidade de açúcar adequada por dia pode variar de acordo com a idade, sexo, nível de atividade física e outros fatores individuais. No entanto, as diretrizes dietéticas recomendam que a ingestão de açúcar adicionado seja limitada a menos de 10% das calorias diárias totais para adultos e crianças.

Para um adulto que consome em média 2000 calorias por dia, isso equivale a cerca de 50 gramas de açúcar adicionado por dia, o que é aproximadamente igual a 12 colheres de chá. No entanto, as organizações de saúde recomendam que a ingestão de açúcar adicionado seja ainda menor, para menos de 5% das calorias diárias totais, o que equivale a cerca de 25 gramas de açúcar adicionado por dia.

Vale ressaltar que o açúcar adicionado é encontrado em muitos alimentos processados, como bebidas açucaradas, sobremesas, bolos, biscoitos, cereais matinais e molhos para salada, entre outros. Por isso, é importante ler os rótulos dos alimentos e escolher opções com baixo teor de açúcar adicionado.

Vamos conhecer os tipos de açúcar:

  1. Açúcar branco refinado: é o tipo mais comum de açúcar, produzido a partir da cana-de-açúcar e refinado para remover impurezas. É utilizado em uma ampla variedade de alimentos e bebidas, mas tem um alto teor de calorias e pode levar a problemas de saúde se consumido em excesso.

  2. Açúcar mascavo: é menos processado do que o açúcar branco e contém pequenas quantidades de nutrientes, como cálcio, potássio e magnésio. Tem um sabor mais intenso e uma textura mais úmida do que o açúcar branco refinado.

  3. Açúcar de confeiteiro: também conhecido como açúcar de glace ou açúcar impalpável, é um açúcar branco refinado muito fino que é frequentemente usado para fazer glacês, coberturas e decorações de bolo.

  4. Açúcar cristal: é um açúcar branco com cristais grandes e irregulares. É frequentemente usado em receitas que exigem textura crocante ou para fazer calda de açúcar.

  5. Açúcar demerara: é um açúcar mascavo claro com cristais grandes e um sabor suave de caramelo. É frequentemente usado para adoçar bebidas quentes e em receitas que exigem um sabor de caramelo mais suave.

  6. Açúcar de coco: é um açúcar não refinado feito a partir do néctar das flores de coco. É rico em nutrientes e tem um sabor de caramelo.

  7. Xarope de milho com alto teor de frutose: é um adoçante comum em alimentos processados e bebidas, feito a partir do amido de milho. Tem um alto teor de frutose e é frequentemente associado a problemas de saúde, como obesidade e diabetes.

  8. Açúcar invertido: é um açúcar líquido feito a partir de açúcar branco refinado que foi tratado com ácido cítrico ou ácido tartárico. É frequentemente usado em receitas de pão e bolos para ajudar a reter a umidade e evitar que os produtos assados fiquem secos.

  9. Xarope de bordo: é um adoçante natural feito a partir da seiva da árvore do bordo. É frequentemente usado em panquecas e waffles, bem como em marinadas e molhos para salada.

  10. Xilitol: é um adoçante natural encontrado em muitas frutas e vegetais. É frequentemente usado como um substituto do açúcar em produtos alimentares, pois tem um sabor semelhante e é menos calórico do que o açúcar. O xilitol é frequentemente usado em produtos sem açúcar, como gomas de mascar e balas, e pode ter benefícios para a saúde bucal, pois não contribui para a formação de cáries.

  11. Eritritol: é um adoçante natural encontrado em frutas e fermentado a partir de amidos vegetais. É frequentemente usado como um substituto do açúcar em produtos alimentares, pois tem um sabor semelhante e é menos calórico do que o açúcar. O eritritol é frequentemente usado em produtos sem açúcar, como sorvetes e bebidas.

  12. Stevia: é um adoçante natural extraído das folhas da planta Stevia rebaudiana. É frequentemente usado como um substituto do açúcar em produtos alimentares, pois tem um sabor doce semelhante e é menos calórico do que o açúcar. A Stevia é frequentemente usada em produtos sem açúcar, como refrigerantes e bebidas esportivas.

Esperamos que essas informações possam te ajudar a desvendar os mistérios do açúcar!

Compartilhe:

Compartilhar no facebook
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no twitter
Compartilhar no pinterest
Compartilhar no email
Compartilhar no whatsapp

Quer deixar um comentário?

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

quatro + quatro =

Confira outros posts

Posso te ajudar?